Três pessoas morreram este sábado num raide aéreo israelita lançado sobre a Faixa de Gaza, depois de outros dois ataques realizados durante esta madrugada terem causado cinco vítimas mortais, informaram fontes médicas.

Os três homens foram mortos na bairro de Tufah, no leste de Gaza, disse Ashraf al-Qudra, porta-voz do Ministério da Saúde palestiniano.

Também este sábado, pelo menos cinco pessoas foram mortas em dois raides israelitas lançados sobre a Faixa de Gaza esta manhã, informaram fontes médicas.

Um raide aéreo atingiu uma instituição de caridade para deficientes causando dois mortos em Beit Lahiya, no norte da Faixa de Gaza, enquanto um segundo raide no oeste da cidade de Gaza provocou outros três mortos, disse Ashraf al-Qudra, porta-voz do Ministério da Saúde palestiniano.

Os ataques deste sábado elevam para 121 o número de palestinianos mortos desde o início da ofensiva de Israel há cinco dias.

Na sexta-feira, o Alto comissariado para os direitos humanos das Nações Unidas alertou que Israel pode estar a violar as leis da guerra devidos os seus bombardeamentos contra habitações em Gaza.