A última comunicação dos pilotos do voo GE235 da TransAsia Airways, que caiu esta quarta-feira em Taiwan, foi divulgada pelo site liveatc.net.

«Mayday Mayday. Engine flameout», terão sido as últimas palavras dos pilotos do voo GE235 antes do avião cair no Rio Keelung. «Flameout» significa extinção de uma combustão que resulta em perda de energia

No entanto, esta última comunicação ainda não foi verificada de forma independente nem confirmada por oficiais.

Piloto tinha mais de 4900 horas de voo

O voo GE235 era pilotado por Liaojian Zong, de 42 anos, que tinha qualificações para pilotar há sete anos, segundo avança o jornal TV.BS.

O piloto tinha mais de 4900 horas de voo e viajava acompanhado por Liu Zizhong, que tinha 6922 horas de voo, e por Bing Zhong, com mais de 16 mil horas.



Considerada uma pessoa discreta, Liaojian era casado e tinha um filho de nove anos. Ingressou na força aérea antes de integrar no serviço aéreo privado, tornando-se no orgulho dos pais, que tiveram conhecimento do acidente através da televisão.

Pelo menos 23 pessoas morreram esta quarta-feira em Taiwan na sequência da  queda de um avião da TransAsia Airways e pelo menos 15 ficaram feridas, nove em estado grave. Há 20 desaparecidos, presumivelmente presos na fuselagem do aparelho, de acordo com o jornal «South China Morning Post».