Mais de 150 refugiados foram socorridos durante a madrugada no Mar Negro, ao largo da costa da Roménia, depois de terem sido intercetados pelas autoridades, constaram repórteres da agência France Presse no local.

Trata-se da quinta embarcação com refugiados a bordo que é intercetada ao largo da Roménia, no Mar Negro.

A embarcação, que tinha partido da Turquia, foi localizada a 35 milhas náuticas da costa da Roménia tendo sido rebocada para o porto de Midia por um navio da polícia fronteiriça romena.

No total 153 pessoas, entre as quais 53 crianças e 51 mulheres estavam a bordo. O mar encontrava-se bastante agitado, com ondas de dois e três metros. Estas pessoas encontravam-se numa situação de grande perigo e corriam o risco de se afogarem em caso de naufrágio", disse o adjunto da Guarda Costeira de Constanta (leste da Roménia), Cristian Cicu durante a operação de resgate.

Os refugiados a bordo, na maior parte iraquianos, foram submetidos a exames médicos antes de serem entregues às autoridades responsáveis pela imigração.

A Roménia não costuma ser utilizada pelos refugiados que pretendem chegar à Europa apesar do Mar Negro ser utilizado pelas rotas alternativas às do Mar Mediterrâneo.

Até ao momento, 570 pessoas foram intercetadas pelas autoridades de Bucareste no Mar Negro, nos últimos meses.