Cerca de dois mil simpatizantes do partido neonazi grego Aurora Dourada regressaram, no sábado, às ruas de Atenas para se manifestarem contra a detenção dos líderes. A polícia evitou confrontos com manifestantes da extrema-esquerda, noticia a AFP.

Na terça-feira, o parlamento grego aprovou a suspensão da ajuda estatal ao partido neonazi Aurora Dourada, depois de seis deputados terem sido acusados de constituírem ou integrarem uma organização criminosa.

A medida foi aprovada por 235 dos 300 deputados.