A polícia francesa deteve um terceiro suspeito do ataque à igreja em França, onde um padre foi degolado e uma pessoa ficou ferida com gravidada na passada terça-feira.

A identidade do jovem agora detido não foi revelada pelas autoridades, mas sabe-se que tem 19 anos, como os anteriores suspeitos do ataque Malik Petijean e Adel Kermiche.

O jovem acabou por ser detido depois da polícia ter encontrado um vídeo onde se podem ver os três rapazes a jurarem fidelidade ao Estado Islâmico.

Para além desta detenção, a polícia tem sob custódia mais três pessoas: um refugiado sírio, um francês de 30 anos e um menor.

No ataque de terça-feira, a uma igreja da Normandia francesa, morreu um padre de 85 anos, Jacques Hamel, e uma pessoa ficou ferida com gravidade.