O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, levou as filhas a Nova Iorque para um passeio. Na sexta-feira, Obama foi a um pequeno evento de angariação de fundos, organizado pelos magnatas da área de transporte George e Nitzia Logothetis para o Comitê Nacional Democrata.
 
Depois, a noite foi reservada integralmente para as filhas. Foram jantar num restaurante ítalo-americano no bairro de Greenwich Village e, em seguida, fizeram uma visita privada ao Museu Whitney de Arte Americana, após o encerramento.
 
Este sábado, o presidente, as filhas e algumas amigas das adolescentes passearam no Central Park.
 
Obama tem falado muitas vezes sobre o quão triste ele vai ser quando suas filhas deixarem o ninho. Malia, de 17 anos já visitou algumas faculdades.
 

"Eu já estou a temer o lugar vazio na mesa quando Malia for para a Universidade no próximo outono", escreveu Obama, num ensaio no mês passado na revista “More”.


A visita de Obama e das filhas a Nova Iorque juntou nas ruas uma pequena multidão para ver o presidente neste momento tão familiar. Na 8ª Avenida, quando Obama e as filhas se dirigiam para o Richard Rodgers Theatre, as pessoas ladearam as ruas para ver a comitiva e tirar fotografias. O mesmo aconteceu este sábado no Central Park.