A organização não-governamental Human Rights Watch (HRW) instou o Governo malaio a levantar o bloqueio imposto ao portal Sarawak Report pelas denúncias de corrupção contra o primeiro-ministro, Najib Razak.

A censura contra o site e as ameaças de perseguição contra os críticos da Administração não dissipam as dúvidas sobre as más práticas do Executivo, refere em comunicado a HRW.


“O Governo malaio deve levantar as proibições e enfrentar as acusações em vez de se dedicar a reprimir”, sublinhou Brad Adams, diretor para a Ásia da organização de defesa dos direitos humanos.