Uma mala com um milhão de dólares neozelandeses – que equivale a cerca de 608 mil euros - desapareceu no aeroporto de Hong Kong.

O incidente ocorreu na sexta-feira, mas só agora foi relatado pelos media chineses.

A mala fazia parte de um conjunto de 13 que continham 10 milhões de dólares neozelandeses com destino ao banco da China, em Hong Kong, mas, ao serem retiradas do voo da Cathay Pacific, três delas terão caído acidentalmente do carrinho de transporte numa curva, como é visível pelas imagens das câmaras de vigilância difundidas pelos media chineses. No entanto, alegadamente, apenas duas foram recuperadas, quando a equipa de logística deu pela falta delas e voltou atrás, dez minutos depois.

A polícia está a investigar o desaparecimento da mala e, por conseguinte, a companhia aérea, num comunicado que a BBC cita, confirma o transporte valioso, mas escusa-se a dar mais informação:  “Não podemos adiantar mais detalhes porque o caso está sob investigação”.

Por seu turno, a companhia responsável pelo transporte de bagagens em terra, refere que o dinheiro foi todo entregue na área de segurança do aeroporto, um local onde o seu pessoal não tem acesso.