Uma adolescente de 14 anos, natural de Lubbock, no estado do Texas, nos Estados Unidos, morreu eletrocutada, enquanto usava o telemóvel durante o banho.

De acordo com a televisão local KCBD, Madison Coe estaria a mexer no aparelho, enquanto este estava a carregar, ligado à corrente. Acidentalmente, o telemóvel acabou por cair na banheira.

A menina foi encontrada em casa do pai, no Novo México, no domingo.

A avó de Madison Coe, Donna O’Guinn, contou que foi fácil perceber o que tinha acontecido, porque a menina tinha uma queimadura na mão.

Havia uma marca de queimadura na mão com que ela estava a agarrar o telemóvel. Por isso, era óbvio o que tinha acontecido”, afirmou, em declarações à KCBD.

Através do Facebook, os familiares e amigos da jovem pretendem, agora, alertar quem tem o hábito de fazer o mesmo que Madison, para que a situação não se repita.

“Isto é uma tragédia e só espero que não aconteça com mais ninguém. Queremos que isto sirva de aviso para quem tem o hábito de usar o telemóvel, na casa-de-banho, enquanto o aparelho está a carregar. Temos que estar alerta e ensinar às nossas crianças que eletricidade e água são uma combinação perigosa”, conclui Donna O’Guinn.