O Partido dos Trabalhadores brasileiro oficializou este sábado a candidatura de Lula da Silva à presidência do Brasil.

O anúncio foi feito pela senadora Gleisi Hoffmann, durante a convenção nacional do partido, que decorreu no centro de São Paulo, de acordo com o portal de notícias G1.

O candidato a vice-presidente ainda não foi definido.

Viemos aqui para votar no nosso candidato presidente, Lula. Esse é um momento histórico. Lula é o nosso candidato a presidente da república”, disse a senadora. 

Lula da Silva está preso desde 7 de abril após uma condenação em segunda instância no âmbito da Operação Lava Jato, devido ao caso do triplex de luxo em Guarujá.

O caso envolve um apartamento de luxo na cidade brasileira do Guarujá, que terá sido dado a Lula da Silva como suborno pela construtora OAS, em troca de vantagens em contratos com a petrolífera estatal Petrobras.

O antigo presidente do Brasil está a cumprir uma pena de prisão de 12 anos e um mês pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.