O Museu do Louvre, de Paris, foi o mais visitado do mundo em 2014, com 9,3 milhões de visitantes, 70% dos quais estrangeiros, segundo dados divulgados esta terça-feira.

Apesar de ter registado praticamente o mesmo número de entradas de 2013, o Louvre continua a ser o museu com mais afluência em todo o mundo, de acordo com a publicação «Le Figaro».

A maioria dos visitantes são estrangeiros, sobretudo norte-americanos, chineses, italianos, britânicos e brasileiros.

As coleções permanentes do Louvre registaram um aumento de cem mil visitantes, justificado com a renovação das salas dedicadas à arte do século XVIII e com a apresentação da estátua «Victoria de Samotracia», depois de restaurada.

Do total de visitantes de 2014, mais de metade tinham menos de trinta anos e quarenta por cento entrou de forma gratuita.

Apesar dos números elevados, o recorde do Louvre fixa-se ainda em 2012, quando acolheu 9,7 milhões de visitantes, num ano considerado «excepcional».