A Nigéria registou mais dois casos de Ébola, elevando para 14 o total de casos confirmados de infeção com o vírus, que já provocou cinco mortes no país, divulgou esta sexta-feira o governo nigeriano.

Na Libéria, o país mais atingido pelo surto de Ébola, com 576 mortos, o secretário-geral do sindicato dos serviços de saúde, George Williams, anunciou que todas as regiões do país já foram afetadas pela epidemia do Ébola, após a confirmação de casos no sudeste do país, perto da fronteira com a Costa do Marfim.

«A Nigéria registou os primeiros dois casos de Ébola em contactos secundários em relação ao primeiro paciente», disse o ministro da Saúde nigeriano, Onyebuchi Chukwu, numa conferência de imprensa em Abuja.