O ex-secretário norte-americano da Defesa, Leon Panetta lançou segunda-feira duras críticas a Barack Obama que, na sua opinião, «perdeu o rumo» da política de segurança e cometeu erros que podem prolongar por 30 anos a luta contra o Estado Islâmico.

“Durante os primeiros quatro anos, e no tempo que estive lá – à frente do Pentágono – pensei que era um líder forte em assuntos de segurança … mas nos últimos dois anos creio que perdeu, de certo modo, o rumo. Enviou mensagens ambivalentes ao abordar os temas e tentar clarificar qual o papel deste país”, disse Leon Panetta, que esteve no Governo entre 2011 e 2013, numa entrevista ao USA Today.

As declarações de Panetta estão em linha com o seu livro de memórias - "Worthy Fights: A Memoir of Leadership in War and Peace” - que vai para a bancas esta terça-feira e onde critica duramente ao seu antigo líder.