O “Batman” de Maryland, nos Estados Unidos, morreu atropelado na noite de domingo, depois de o seu carro customizado de “Batmobile” ter avariado num troço não iluminado da autoestrada, escreve o The Washington Post.
 
Lenny Robinson, de 51 anos, que se fantasiava de super-herói para animar crianças doentes internadas nos hospitais, foi atingido por outro carro numa autoestrada de Maryland e teve morte imediata.
 
Segundo o Post, o homem vivia em Maryland, era pai de três rapazes e trabalhava no ramo das limpezas antes de se tornar num “super-herói”.
 
No seu tempo livre, Lenny Robinson visitava crianças doentes, às quais entregava presentes e dava autógrafos. “O Batman é o único super-herói que não tem superpoderes”, explicou quando questionado sobre a escolha por este personagem da ficção.
 
Tornou-se uma sensação na Internet em 2012 quando foi mandado parar pela polícia e saiu do carro vestido de “Batman”.