Foi encontrado o corpo de um jornalista britânico que terá sido atacado por um crocodilo, quando se aproximou de uma lagoa para lavar as mãos, na praia Elephant Rock, no Sri Lanka. 

Contudo, segundo o Financial Times, jornal onde Paul McClean trabalhava, ainda não se sabe, oficialmente, a causa exata da morte.

O jornalista de 24 anos estava de férias na ilha com amigos e, durante uma aula de surf, decidiu ir lavar as mãos numa lagoa e terá sido atacado por um crocodilo e arrastado para a água, segundo o relato de uma testemunha.

Um pescador local viu um homem a ser arrastado para um rio, afastado da praia, por um crocodilo. A polícia foi chamada imediatamente”, disse Fawas Leffer, ex-presidente do Clube de Surf de Arugam Bay, de acordo com a Sky News.

Fawas Leffer afirmou ainda que esta é a primeira vez que tem conhecimento de um ataque de crocodilo no Sri Lanka.

Turistas e locais fazem surf na Elephant Rock, que é uma linda praia e muito segura. Os crocodilos no Sri Lanka vivem apenas em água fresca e na costa da selva, é muito pouco comum que se aproximem da praia, porque a água salgada deixa-os cegos.”

Paul McClean licenciou-se na Universidade de Oxford, na Inglaterra, e trabalhava, há dois anos, no jornal Financial Times, para onde entrou como estagiário.