Meia centena de migrantes magrebinos que viajavam num barco de borracha, incluindo cerca de dez menores, desembarcaram este domingo à tarde, na praia de La Barrosa, em Chiclana de la Frontera (Cádiz), perante o espanto dos banhistas que enchiam a praia.

Eram 15:30 locais (menos uma hora em Lisboa), quando uma embarcação pneumática de pequenas dimensões desembarcou no areal, enquanto turistas filmavam e tiravam fotografias. De acordo com o El País, que cita testemunhas, muitos dos migrantes aparentavam serem menores de idade. 

A chegada da embarcação foi confirmada à Efe pela autarquia local. Segundo testemunhas presenciais, os migrantes desapreceram rapidamente numa zona de pinhal nas proximidades.

A Guardia Civil deteve, pelo menos, duas pessoas relacionadas com o desembarque.

Os migrantes menores, cerca de uma dezena, foram encaminhados para estabelecimentos hoteleiros da zona.

Elementos das Forças e Corpos de Segurança do Estado estão ainda a tentar localizar os migrantes que alcançaram esta conhecida praia, localizada numa zona muito turística.

Uma outra embarcação, com 44 pessoas a bordo, chegou à praia de Los Alemanes, em Zahara de los Atunes, também na província de Cádiz.

Ao todo, a guarda costeira espanhola resgatou 58 migrantes no Estreito de Gibraltar.