A polícia britânica afirmou esta terça-feira que interveio quando responsáveis da embaixada da Coreia do Norte exigiram que um cabeleireiro londrino retirasse um cartaz a anunciar descontos com uma imagem do líder Kim Jong-un.

Ao jornal London Evening Standard, o proprietário do salão M&M Hair Academy, em Ealing, na zona ocidental da capital britânica, indicou que dois responsáveis da missão diplomática do país comunista fotografaram e exigiram que retirasse o «cartaz desrespeitoso».

O cartaz anunciava descontos no corte de cabelo, apresentando uma imagem de Kim Jong-un, com o característico penteado e uma frase: «Cabelo impossível? Desconto de 15% no corte para homem durante o mês de abril».