A Coreia do Norte expulsou o seu vice-ministro dos Negócios Estrangeiros como punição pela deserção do país do vice-embaixador para o Reino Unido, noticia hoje a imprensa sul-coreana.

O jornal JoongAng Ilbo cita uma fonte anónima próxima dos assuntos norte-coreanos, que afirma que Kung Sok-Ung foi removido do seu cargo e expulso da capital, Pyongyang, enviado para uma zona rural com a sua família.

A decisão terá sido tomada pelo líder do país, Kim Jong-un, após a deserção do vice-embaixador no Reino Unido, Thae Yong-Ho, e da sua família para a Coreia do Sul, há dois meses.