Pelo menos três soldados morreram nas últimas 24 horas em ataques das milícias separatistas pró-russas no leste da Ucrânia, informou hoje o comando militar ucraniano.

Foram contabilizadas «56 tentativas de ataque com diferentes tipos de armas contra posições das forças da Operação Antiterrorista», como Kiev denomina a campanha militar contra os separatistas, refere o comando na rede social Facebook.


Segundo os militares, as milícias estão especialmente ativas junto às cidades de Donetsk, Lugansk e Debaltsevo, bem como nos arredores do aeroporto internacional de Donetsk, sob controlo das forças ucranianas.