O parlamento da Crimeia, península do sul da Ucrânia, aprovou hoje a realização a 25 de maio de um referendo sobre maior autonomia, anunciou o serviço de imprensa do parlamento.

Sob o controlo de um comando armado pró-russo, o hemiciclo regional também expulsou o Governo local, após uma votação à porta fechada, segundo a mesma fonte.

O dia 25 de maio é aquele em que deverão realizar-se eleições presidenciais antecipadas na Ucrânia, depois da destituição, no sábado, do Presidente Viktor Ianukovitch.