A mais recente polémica no Facebook envolve uma jovem de apenas 19 anos e animais mortos em África.

Kendall Jones é do Texas, mas gosta de aventuras no continente africano. A sua página está repleta de fotografias da jovem a posar com animais mortos, que alegadamente caçou.

Segundo o «Huffington Post», uma petição com cerca de 40 mil assinaturas exige ao Facebook que retire as imagens, o que ainda não aconteceu até ao momento.

Na página da jovem norte-americana, podem encontrar-se vários comentários que reprovam a sua atitude: «Como pode alguém tirar a vida de um animal tão bonito e sorrir? Simplesmente não percebo, é doentio».

Kendall Jones, cujo objetivo será apresentar um programa de TV, defende-se alegando que faz uma «perseguição justa» aos animais e que a população animal tem de ser controlada em África. Garante ainda que alguns dos animais que aparecem estão só sob efeito de um tranquilizante e não mortos.

«O rinoceronte acordou bem e fará agora parte de uma base de dados de ADN na luta contra a caça furtiva. Mais uma vez, fiz a minha parte na conservação para fazer a diferença», escreveu.

A jovem do Texas prova ainda alguma da caça e garantiu mesmo que a carne de antílope é «das melhores» que já provou.