O jornalista Julian Assange, o ator Jonh Malkovich, a atriz Maria de Medeiros e o músico Arto Lindsay são alguns dos convidados hoje anunciados, em Lisboa, pela organização da 8.ª edição do Lisbon & Estoril Film Festival.

«Ainda não sabemos em que moldes Julian Assange poderá estar em Portugal, mas contamos já com a colaboração direta dele», disse Paulo Branco, referindo-se ao facto de o jornalista e ativista estar desde 2012 exilado na embaixada do Equador em Londres.

Mais novidades: o simpósio internacional "Ficção e Realidade. Para Além do Big Brother", a estreia em Portugal de um novo filme com John Malkovich, que será alvo de uma homenagem, uma exposição com obras inéditas do realizador e artista visual David Lynch em conjunto com o pintor Jean-Michel Alberola, bem como um concerto da banda de Arto Lindsay.

A restante programação do LEFFEST, com mais nomes do cinema e de outras artes, e do júri da competição do festival, será anunciada mais próximo do festival. Quanto a David Lynch, «poderá confirmar só em cima da hora».

Nova edição do festival é «de enorme responsabilidade»

Paulo Branco fez ainda notar que «esta edição é de uma enorme responsabilidade perante as instituições que apoiam, porque é muito ambiciosa. Um festival só se justifica se trouxer uma mais-valia para o público e para o país». Quis frisar, igualmente, o apoio dos principais patrocinadores, nomeadamente os municípios de Lisboa e de Cascais.

Um dos destaques, segundo o organizador, é a realização do seminário internacional que visa debater as questões da exposição da privacidade dos cidadãos e da vigilância global.

Além de Assange, um dos fundadores da WikiLeaks, foram ainda convidados para participar o juiz espanhol Baltasar Garzón, o escritor Roberto Saviano e o linguísta Noam Chomsky.

A antestreia do filme «Variações de Casanova», de Michael Sturminger, está prevista para 08 de novembro, na Fundação Calouste Gulbenkian, com a presença do realizador e de John Malkovich, que também será homenageado, com a exibição de filmes inéditos.

Esta coprodução portuguesa, francesa, austríaca e alemã foi filmada inteiramente em Portugal e baseia-se na obra «História da minha Vida», de Giacomo Casanova.

Maria de Medeiros homenageada

Paulo Branco disse ainda que a atriz Maria de Medeiros será homenageada: «É um vulto único na atividade cinematográfica pela projeção que teve no filme Pulp Fiction [de Tarantino] mas nunca abandonou o cinema português», sublinhou o produtor.

Uma das novidades do LEFFEST é a apresentação, pela primeira vez, de uma peça de teatro - «Os Belos dias de Aranjuez», de Peter Handke, escritor que deverá igualmente estar presente no certame - encenada por Tiago Guedes, e com apresentação prevista para o CCB a 12 de novembro.

O músico Arto Lidnsay, que fez parte do júri do certame, vai protagonizar, com a própria banda, o concerto de encerramento da oitava edição, a 16 de novembro, também no CCB.

Estas presenças foram anunciadas por Paulo Branco, numa conferência de imprensa de apresentação de uma parte do programa da edição deste ano do festival, que decorrerá entre 07 e 16 de novembro.

O Lisbon & Estoril Film Festival (LEFFEST) teve a primeira edição em 2007, por iniciativa do produtor Paulo Branco, e apresenta anualmente uma programação de filmes nacionais e estrangeiros, «masterclasses», exposições e debates.