O Presidente da República da Guiné-Bissau, José Mário Vaz, dá início nesta sexta-feira às consultas com vista à nomeação de um novo primeiro-ministro, anunciou a Presidência da República em comunicado.

O processo, baseado no "cumprimento das formalidades constitucionais", arranca com "a audição dos partidos políticos com assento parlamentar", refere-se no documento.

Na quarta-feira, o Presidente da República demitiu o Governo liderado por Domingos Simões Pereira, num decreto lido na Rádio Difusão Nacional, em que justifica a decisão com quebra mútua de confiança, dificuldades de relacionamento e sinais de obstrução à Justiça por parte do Executivo.

Os Estados Unidos apelaram, entretanto, aos líderes da Guiné-Bissau que procurem um consenso para resolver da melhor forma a crise política no país.

“Com a demissão do primeiro-ministro, a Guiné-Bissau enfrenta a sua primeira crise governativa desde as eleições livres e justas de 2014”, refere em comunicado o Departamento de Estado norte-americano.