"Avaliámos o convite e decidimos que o ministro dos Negócios Estrangeiros participará nas conversações", disse o porta-voz de Zarif, Marzieh Afkham, à televisão estatal iraniana.