Um jovem suspeito de violação foi detido esta quinta-feira nos arredores de Tóquio, numa vasta operação policial transmitida em direto pela televisão e que envolveu cerca de 4.000 polícias, 900 veículos, helicópteros, navios e cães da polícia.

Yuta Sugimoto, 20 anos, suspeito de ter participado numa violação coletiva de uma mulher na cidade de Kawasaki, nos arredores de Tóquio, no dia 2 de janeiro, tinha fugido na terça-feira de uma esquadra onde se encontrava para interrogatório.

A polícia lançou imediatamente uma caça ao homem, que culminou com a prisão do fugitivo por volta do meio-dia local num jardim público na cidade de Yokohama, junto à localidade de Kawasaki.

Cerca de 20 polícias cercaram o local onde se encontrava o suspeito e acabaram por o deter, numa imagem captada a partir de um helicóptero pela televisão NHK.