considerou que não está a ser feito por parte de Bruxelas

criticou a «passividade intolerável» da UE face ao desaparecimento dos imigrantes