Israel e o Hamas cumpriram esta quarta-feira as primeiras 24 de 72 horas de cessar-fogo sem registo de incidentes.

Delegações de ambas as partes estão hoje no Cairo, Egito, onde foi anunciada a trégua na segunda-feira para negociarem um cessar-fogo mais prolongado tendo o Governo egípcio como mediador.

Desde o início da ofensiva a 08 de julho morreram 1.867 pessoas e outras 9.563 ficaram feridas do lado palestiniano, enquanto Israel contabilizou 67 mortos, dos quais 64 soldados do exército.