Jovens estudantes simpatizantes da Irmandade Muçulmana entraram, este sábado, em confronto com a polícia no Campus universitário de Al-Azhar, no Cairo, Egito. De acordo com as autoridades, citadas pela televisão estatal, os jovens incendiaram pelo menos, dois edifícios do campus, avançam as agências internacionais.

Segundo a Reuters, que cita testemunhas, há relatos de um jovem morto durante os confrontos, mas a polícia nega essa informação.

Tudo terá começado quando as forças de segurança foram chamadas após um grupo de jovens, apoiantes da Irmandade Muçulmana, bloquear a entrada de colegas em alguns edifícios. A polícia recorreu a gás lacrimogéneo e os manifestantes responderam com pedras, além de incendiarem alguns pneus.