Um general da polícia iraquiana foi morto esta sexta-feira na sequência de um atentado suicida com recurso a um camião-bomba, na cidade de Baiji, a norte de Bagdad, onde as forças de segurança ganham terreno face aos jhiadistas.

A notícia foi avançada por fontes oficiais citadas pela agência de notícias France Presse (AFP), que dão conta que a explosão fez um morto, no caso o general Faisal Ahmed, e nove feridos, todos polícias.

O bombista suicida fez explodir um camião cisterna numa barragem em Al-Sinai, um setor da cidade que, segundo as mesmas fontes, tinha sido reconquistado pelas forças de segurança há mais de uma semana.