O surto de ébola que assola a África Ocidental já matou 1552 pessoas e há 3069 casos registados em pelo menos quatro países. Os números são avançados pela Organização Mundial de Saúde (OMS), que adianta que a epidemia «continua a acelerar».

«Mais de 40 por cento do total dos casos ocorreram nos últimos 21 dias. Contudo, muitos casos estão concentrados em apenas algumas localidades», diz a OMS em comunicado.

O surto detetado recentemente na República Democrática do Congo , com uma estirpe diferente do vírus, não estão incluídos neste balanço da OMS. O relatório refere-se apenas à Guiné, à Libéria, à Serra Leoa e à Nigéria.