O secretário da Justiça dos Estados Unidos, Eric Holder, defendeu terça-feira que o ex-analista da Agência Nacional de Segurança (NSA), Edward Snowden, não merece «clemência», porque os mecanismos usados para expor preocupações de espionagem não são dignos dela.

«Creio que ele violou claramente a lei e provocou danos à nação que diz amar», assinalou Eric Holder numa entrevista à cadeia CNN.

Na mesma linha, numa outra entrevista ao diário USA Today, o mesmo secretário insistiu que «não existe base» para considerar que Snowden merece ser perdoado.