A Rússia chamou a Moscovo o embaixador na Ucrânia para «consultas», anunciou este domingo o ministério russo dos Negócios Estrangeiros.

«Devido à escalada da situação na Ucrânia e à necessidade de analisar a situação atual sobre todos os aspetos, foi tomada a decisão de chamar a Moscovo, para consultas, o embaixador da Federação Russa na Ucrânia, [Mikhail] Zourabov», indicou o ministério em comunicado citado pela AFP.

Depois de três meses de protestos e de confrontos na última semana em Kiev, o Presidente (pró-Rússia) Viktor Ianoukovitch foi destituído no sábado e assumiu funções um Presidente interino, Olexandre Tourtchinov (pró-União Europeia).