O dia 15 de abril de 2013 provavelmente nunca será esquecido por quem viu as imagens do atentado à bomba que vitimou fatalmente três pessoas e feriu mais de duzentas e cinquenta, no final da Maratona de Boston.

As duas explosões, da autoria de dois irmãos de origem chechena (um deles morto e o outro capturado, dias depois, pelas autoridades) não só mancharam as ruas, como também a memória coletiva da população de Boston, para quem a maratona anual é um dos símbolos da união de todos em torno de um só evento, que a cidade oferece ao mundo.

Com a aproximação da data da edição deste ano, marcada para dia 21 de abril, um fotógrafo e realizador da cidade, JJ Miller, fez um pequeno filme de dois minutos com o objetivo de incentivar a população de Boston a regressar sem medo às ruas da cidade para a 118ª edição da maratona.

A mensagem é direta e concisa, resumida numa simples hashtag : #WEWIILRUN («Nós Vamos Correr»).

Com base num discurso em que Barack Obama incentivou toda a cidade de Boston a participar na edição 2014 da prova, JJ Miller realizou o vídeo que foi publicado no Vimeo e no YouTube, plataformas em que deixou também um pequeno texto onde se pode ler: «Sofremos juntos e escolhemos a amizade sobre o ódio. Queremos honrar todos os corajosos homens e mulheres que incansavelmente trabalharam nos dias seguintes às explosões. Este pequeno vídeo é dedicado à grande cidade de Boston, à sua população, e especialmente às vítimas Martin Richard, Krystle Campbell e Lingzi Lu».

«Meteram-se com a cidade errada. Optámos por ser fortes e NÓS VAMOS CORRER.»