Um polícia sem farda e sem arma conseguiu salvar uma vida.

Aconteceu no Canadá, quando um polícia se despiu para impedir que um homem que caiu às águas do Rio Lawrence, em Montréal, morresse de hipotermia.

A canoa do jovem de 23 anos virou-se e ele, que usava um colete salva-vidas, conseguiu chegar à margem, mas numa condição física crítica. Uma enfermeira que estava logo no local chamou os meios de emergência, mas o tempo urgia, por isso, aconselhou o polícia a fazer a técnica pele com pele. O agente David Jutras, que entretanto chegou ao local, não hesitou e tirou a roupa, como mostra a fotografia do «Sun News».

O jovem canoísta foi internado com sinais de hipotermia e teve alta quatro dias depois, acrescenta o «Huffington Post», citando os media locais, na quarta-feira.