Pelo menos 10 civis, dois polícias e quatro soldados da missão da NATO morreram hoje no leste do Afeganistão na sequência de um atentando suicida, indicaram as autoridades.

«Esta manhã, um bombista suicida atingiu um grupo de soldados estrangeiros no distrito de Bagram, em Parwan. No atentado, foram mortos dois polícias e dez civis», disse o porta-voz do governador provincial, Waheed Sediqqi, à AFP.

Pouco antes, a missão da NATO no Afeganistão tinha informado da morte de quatro soldados da coligação no leste do país, mas sem adiantar pormenores, fazendo apenas referência a um ataque de «forças inimigas».