O Presidente norte-americano, Barack Obama, manifestou-se «chocado e triste» pela desastre ferroviário em Santiago de Compostela, que custou a vida a pelo menos 80 pessoas, e ofereceu ajuda a Madrid.

«Eu e a Michelle estamos chocados e tristes com o trágico descarrilamento de um comboio em Santiago de Compostel», afirmou Obama num comunicado, apresentando «condolências» e assegurando que Washington está disponível para «oferecer toda a ajuda possível» em Espanha, cita a Lusa.

O acidente ferroviário de Santiago de Compostela, que causou a morte a, pelo menos 80 pessoas, é o pior do país em quase 70 anos e está a mobilizar a solidariedade de Espanha e do resto do mundo.

O Governo de Espanha anunciou três dias de luto nacional e a Junta da Galiza decretou sete, enquanto o país e o mundo manifestam o seu pesar e aguardam conclusões sobre as causas do desastre.

O acidente ocorreu na quarta-feira às 20:45 locais (19:45 em Lisboa) quando o comboio de alta velocidade, que fazia a ligação entre Madrid e Ferrol com quase 250 passageiros a bordo, descarrilou a três quilómetros de Santiago de Compostela.