NATO diz que separatistas continuam a receber armas da Rússia