Um menino indiano de oito anos está a suscitar a curiosidade dos médicos devido ao tamanho desproporcional das suas mãos, que pesam mais de 12 quilos.

Quando nasceu, as mãos de Kaleem tinham o dobro do tamanho normal para um recém-nascido. Agora, a criança tem umas mãos gigantes e é incapaz de fazer tarefas banais, como atar os cordões dos sapatos, escreve o «Daily Mail».

A mãe, Haleema, de 27 anos, afirma que sempre soube que o filho era diferente, mas que se sente impotente perante a situação.

Fã de cricket, o menino admite que os colegas têm medo das suas mãos e que chegava a ser gozado por isso.

«Não vou à escola porque o professor diz que os outros meninos têm medo das minhas mãos. Muitos deles gozavam-me e batiam-me», conta.

Os pais, que ganham cerca de 16 euros por mês e têm outros dois filhos, procuram ajuda médica para Kaleem.

O pai, Shamim, vive preocupado com o facto de o filho não poder ser independente, no futuro.

«Queríamos levá-lo ao hospital, mas houve alturas em que o dinheiro era tão pouco que a minha mulher foi forçada a implorar», confessa.

A família apenas conseguiu que Kaleem fosse visto por um médico local, que não conseguiu encontrar uma solução.

«De acordo com os conhecimentos que tenho, esta é uma doença extremamente rara. Até serem feitos testes genéticos adequados não se pode dizer exatamente o que está a causar esta deformação», explica o diretor do hospital local.

Segundo o médico, apesar de o crescimento anormal das mãos, Kaleem é perfeitamente saudável a todos os outros níveis. No entanto, como as mãos continuam a crescer de forma desproporcional, a sua deformação poderá afetar o sistema cardiovascular.

Depois de ter visto fotografias e vídeos do menino, o diretor do serviço pediátrico do instituto «Fortis Memorial Research», em Gurgaon, Índia, ficou perplexo com a condição de Kaleem.

Krishan Cugh acredita que a criança sofre de um linfangioma ou de um hamartoma, doenças para as quais existe um tratamento, mas acrescenta que só testes médicos específicos o poderão confirmar.

O linfangioma é uma má formação do sistema linfático que causa inflamações em certas partes do corpo. Por sua vez, o harmatoma é um tumor benigno e carateriza-se pela produção de tecido em excesso.