Os quatro jornalistas franceses que estavam raptados na Síria há quase um ano e que foram libertados sábado chegaram este domingo a França, aterrando na base militar de d'Evreux, foi anunciado.

Edouard Elias, Didier François, Nicolas Hénin e Pierre Torres foram raptados na Síria há quase um ano, chegaram a solo francês às 09:00 locais.

Na revelação da libertação, o chefe de Estado francês, François Hollande afirmou que «foi informado com grande alívio da libertação dos quatro jornalistas franceses».

Anúncio da libertação foi feito pelo próprio Hollande. .