Uma ameaça de bomba obrigou esta terça à evacuação do Instituto de Aviação de Moscovo, na Rússia.

Sete mil alunos foram retirados dos 12 edifícios que constituem o complexo, apesar do telefonema visar apenas um dos prédios.

Saíram os estudantes e entraram os cães da polícia que estão a farejar todos os cantos da escola, não havendo até ao momento confirmação se se tratou de um falso alarme, como noticia a CNN.

Este incidente ocorre a mais de mil quilómetros de Sochi, onde decorrem os Jogos Olímpicos de Inverno.

A Rússia está em alerta máximo contra ameaças terroristas. No final do ano de 2013 e a menos de dois meses do início dos Jogos, dois ataques na cidade russa de Volvogrado obrigaram Putin a fazer declarações públicas sobre o assunto e a prometer a «caça ao homem». Na sequência destas declarações que levaram ao envolvimento do Kremlin diretamente na investigação, foi noticiada a identificação dos autores dos atentados, pouco antes do início da competição.