A polícia britânica deteve esta segunda-feira um homem de 26 anos, suspeito de ter deixado uma rapariga inconsciente num autocarro, em Londres, na passada sexta-feira, noticia a Sky News. A jovem de 22 anos foi atacada por um grupo que seguia no mesmo autocarro, conforme mostram as imagens captadas pelas câmaras de vigilância.

A vítima estava sentada no fundo do autocarro com uma amiga, quando foi abordada pelo grupo de jovens, que começou por criticar a roupa que usava.

Através das câmaras de filmar dispostas no autocarro é possível ver as agressões. Com base nessas imagens, a polícia começou a procurar os jovens, que logo após o ataque abandonaram o autocarro.

O ataque aconteceu por volta da 1:15 do dia 29 de novembro, no autocarro 344 que se dirigia para Clapham Junction. A vítima foi levada pelos paramédicos para o Hospital St. Thomas, em Londres.

Um homem foi interrogado numa delegacia de polícia no sul de Londres e ficou detido por suspeita de agressão de que resultaram lesões corporais graves.

O detetive Kyla Mulley, que está a acompanhar o caso, diz que é chocante o que aconteceu, sobretudo por ter sido, aparentemente, «motivado por uma simples troca de palavras». Mulley acrescenta que é de extrema importância apanhar os restantes membros do grupo para que expliquem o comportamento.