Pelo menos oito pessoas morreram no sul da China, em inundações causadas por uma tempestade registada no condado de Quanzhou, na Região Autónoma de Guangxi Zhuang, informaram esta segunda-feira as autoridades locais.

Os oito mortos foram confirmados pelas autoridades, depois de na manhã de domingo terem sido reportados nove desaparecidos e 34 feridos, informou a agência de notícias Xinhua.

Na sequência da chuva, mais de 250.000 pessoas sofreram prejuízos, mais de 600 casas ruíram e cerca de 17.000 hectares de plantações foram afetados.

Segundo a agência Xinhua, cerca de 38 mil pessoas foram realojadas em instalações temporárias, como escolas.