O número de mortos devido às cheias e deslizamentos de terras na Indonésia subiu para 26, com as autoridades a manifestarem pouca esperança de encontrar com vida os 19 desaparecidos, segundo as autoridades.

Segundo a agência nacional de desastres, 23 pessoas morreram em Garut, na ilha de Java, e 18 estão ainda desaparecidas, após chuvas torrenciais. Em Sumedang, há uma pessoa desaparecida.

A força das águas causou cenários de destruição, com casas reduzidas a escombros, carros virados e destroços espalhados pelas ruas lamacentas.

Entre os mortos e desaparecidos estão mais de uma dúzia de crianças com menos de 12 anos, apesar de muitas não terem ainda sido formalmente identificadas.