Centenas de bombeiros combatem mais de uma dezena de incêndios florestais que obrigaram à retirada de centenas de pessoas nas regiões italianas de Piemonte e Lombardia.

A zona mais atingida é o Vale de Susa, onde as chamas, atiçadas pelos fortes ventos, se aproximaram das habitações.

Duas centenas de idosos foram retirados de um lar na noite de domingo e um troço da autoestrada, que liga ao túnel transfronteiriço de Fréjus, foi fechado ao trânsito.

Durante todo o dia, os aviões e helicópteros de combate ao fogo não conseguiram atuar devido ao fumo intenso.

Mais de 135 mil hectares arderam este ano em Itáia, três vezes mais do que no ano passado.