O número de cubanos que imigraram para os Estados Unidos nos últimos meses disparou, coincidindo com o restabelecimento das relações diplomáticas entre os dois países, anunciado em dezembro de 2014, segundo dados divulgados na quarta-feira.

Durante os nove primeiros meses do ano fiscal de 2015 (de outubro de 2014 a junho de 2015) entraram nos Estados Unidos da América (EUA) 27.296 cubanos, de acordo com dados dos Serviços Alfandegários e Proteção de Fronteiras norte-americanos divulgados pelo Centro Pew.

Este número representa um aumento de 78% em relação ao mesmo período do ano passado, quando entraram no país 15.341 cubanos, e está muito acima do total de entradas registadas no conjunto de 2013, 2012 e 2011.