Hua Erxu, que aos 117 anos era uma das mais velhas pessoas no mundo, morreu na localidade de Wenshui, na província oriental chinesa de Jiangxi, informou hoje a imprensa do país.

De acordo com a agência Xinhua, a idosa faleceu às 12:50 de terça-feira rodeada de uma centena de descendentes.

«Era uma mulher aberta, com a cabeça muito lucida», disseram vizinhos ao salientarem que Hua Erxu bebia regularmente vinho de arroz que ela própria fazia e ainda realizava tarefas domésticas.