Há pelo menos 23 feridos após uma explosão de um vulcão, que enviou lava para a cobertura de um barco de turismo na Ilha Grande, no Havai, anunciaram esta segunda-feira as autoridades.

Uma mulher de 20 anos sofreu uma lesão grave numa perna, enquanto os restantes passageiros da embarcação têm queimaduras e traumatismos, refere o Departamento de Terras e Recursos Naturais do estado. Treze dos feridos foram transportados para o hospital, enquanto 10 pessoas sofreram ferimentos ligeiros e foram tratados no local.

As pessoas estavam a bordo de uma embarcação de turismo que leva os visitantes a ver a lava que está a chegar ao oceano, depois da erupção, há cerca de dois meses, do vulcão Kilauea, existindo várias empresas a efetuar estes passeios.

As autoridades alertaram sobre o perigo de aproximação da lava que entra no oceano, com a Guarda Costeira dos Estados Unidos a criar, em maio, uma zona de segurança, que proíbe as embarcações de se aproximarem a menos de 300 metros dos pontos de entrada no mar. Apesar da proibição, existe uma licença especial que permite que experientes operadores de barcos se possam aproximar até cerca de 50 metros.

O vulcão Kilauea, que está em erupção desde o início de maio, já destruiu mais de 700 casas.