O Presidente do Irão, Hassan Rouhani, afirmou esta quarta-feira que duvida do sucesso das negociações de paz sobre a Síria, depois de o seu país ter sido excluído das mesmas, informou a agência noticiosa Mehr.

«Todos os sinais mostram que não podemos ter muita esperança que a conferência Genebra II vá encontrar uma solução para os problemas do povo sírio e para a luta contra o terrorismo», disse Rouhani antes de partir de Teerão para o Fórum Económico Mundial, em Davos, na Suíça.