O relâmpago do Catatumbo, fenómeno meteorológico que ocorre no lago venezuelano de Maracaibo, entrou para o livro dos recordes mundiais do Guinness por registar «a maior média mundial de relâmpagos por quilómetro quadrado do ano».

O recorde mundial foi confirmado por Ralph Hannah, representante para a América Latina da organização Guinness Records. O ciclo de tempestades associadas ao relâmpago do Catatumbo, é visível, em média, entre 140 e 160 noites por ano, por mais de 10 horas por dia.

A Venezuela registou uma média comprovada de 250 relâmpagos por quilómetro quadrado por ano, superando o relâmpago de Kifuka, na República Democrática do Congo, que passou a segundo lugar, com uma média de 152 relâmpagos por quilómetro quadrado por ano.