O presidente de agência de Aviação Civil da Guiné-Bissau, Nuno Nabiam, apresentou-se esta segunda-feira como candidato às eleições presidenciais de 16 de março como forma de ajudar a «mudar a imagem e estabilizar o país».

Engenheiro formado na Rússia em aviação civil, Nuno Nabiam, de 50 anos, é candidato independente, mas nas esferas de uma das alas do Partido da Renovação Social (PRS), cujo fundador, Kumba Ialá dizia há dias que este será o único adversário de peso que vai ter que enfrentar na campanha eleitoral.

Desconhecido na cena política guineense, Nabiam disse que se candidata para ajudar «a mudar a imagem e estabilizar o país», que, acrescentou, tem sido destruído por conflitos políticos e armados desde a independência até hoje, como cita a Lusa.